Até que a morte os separe

Posted on Posted in fotografia, Manaus

Quem foi que disse que essa história de amor pra vida inteira é mentira? E mais, quem disse que sexo na terceira idade não existe? O fotógrafo Chico Batata, vulgo Batatinha, assina a exposição “Iucãcas Toriba”, que significa “Laços de Felicidade” na língua tupi-guarani, para nos mostrar que o tão sonhado “felizes para sempre” ou o “até que a morte nos separe” realmente acontece.

A exposição, que iniciou nesta quinta  (26/9), no Centro Estadual de Convivência do Idoso (Rua Wilkens de Matos – Aparecida), contou com a participação de 17 casais, participantes das atividades para a terceira idade, realizadas pelo Centro, e representa cenas do cotidiano da vida a dois.

Não é a primeira vez que o fotógrafo retrata a realidade da terceira idade. No ano passado, ele foi idealizador da mostra fotográfica “Tamoio Poranga”, que fotografou a beleza feminina depois dos 60.

O evento é uma realização do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Seas), e faz parte da programação da Semana Estadual do Idoso, que será realizada na última semana do mês de setembro.

Iucacas-Toriba-imagens-registram-casais_ACRIMA20130926_0052_15 (1)

Por Tayara Wanderley

(Visited 7 times, 1 visits today)
The following two tabs change content below.
Tayara Wanderley

Tayara Wanderley

Militante, feminista, hiperativa, falante e chata, muito chata. Estudante do 5º período de Relações Públicas e atualmente colaboradora do PETCOM.
Tayara Wanderley

Posts Mais Recentes por Tayara Wanderley (Ver Todos)

Comentários

pessoas comentaram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *