Cine & Vídeo Tarumã homenageia professores

Posted on Posted in Cinema

As aulas voltaram e a programação do Cine & Vídeo Tarumã também! E para começar com o pé direito, o projeto vai fazer uma homenagem aos professores. Serão exibidos filmes que resumem as lutas diárias enfrentadas pelas pessoas que sempre influenciam o futuro de seus alunos, apesar das dificuldades encontradas na profissão. Diante disso, o Cine & Vídeo escolheu os seguintes filmes: Nenhum a Menos, Sociedade dos Poetas Mortos e A Educação Proibida.

Na segunda (13), será exibido Nenhum a Menos, de Zhang Yimou. O filme relata a história do professor da escola primária de Shuiquan que precisa se ausentar durante um mês e o presidente da pequena aldeia, Tian, apenas consegue encontrar uma adolescente de 13 anos, WeiMinzhi, para o substituir. O professor Gao adverte-a para que não permita que mais alunos abandonem a escola, garantindo-lhe o pagamento de 50 yuan e mais um pequeno extra se for bem sucedida. Um dos alunos mais difíceis de controlar nas aulas, é obrigado a ir trabalhar na cidade, pois vive só com a mãe, que está doente e imersa em dívidas. Wei parte em busca do menino, na esperança de que quando o professor titular retorne, não encontre nenhum a menos.

Na quarta-feira (15), será apresentado Sociedade dos Poetas Mortosum clássico de Peter Weir. O filme se passa em 1959, na Welton Academy, uma tradicional escola preparatória. Um ex-aluno (Robin Williams) se torna o novo professor de literatura, mas seus métodos de incentivar os alunos a pensarem por si mesmos cria um choque com a direção do colégio, principalmente quando ele fala aos seus alunos sobre a Sociedade dos Poetas Mortos.

Fechando a programação, na sexta-feira (17), será exibido Educação Proibida, de German Doin. O documentário procura questionar as lógicas da escolarização moderna e a forma como se concebe a educação, visibilizando experiências educativas diferentes e não convencionais, que propõem a necessidade de um novo paradigma educativo.

O projeto Cine & Vídeo Tarumã é uma atividade de extensão do Departamento de Comunicação Social da Ufam, com as sessões acontecendo sempre às 12h30, no Auditório Rio Negro, do Instituto de Ciências Humanas e Letras, localizado no Setor Norte do Campus Universitário. As sessões são gratuitas e recebem o apoio cultural da Take e Vídeo Locadora.

(Visited 9 times, 1 visits today)
The following two tabs change content below.
Andréia Santos

Andréia Santos

“Amei as palavras e as odiei e espero tê-las usado direito.” (A Menina Que Roubava Livros). Levo mais tempo pra me definir do imaginava, mas esse é um problema desde o ensino fundamental, com aquelas redações do tipo “Quem sou eu?”. Fã incondicional de todas as palavras bonitas que existem no mundo, amo poesia, gente e tudo que envolve as duas coisas e mais um pouquinho. Queria ter nascido há algumas décadas. Teria compreendido Nietzsche e seria amiga do Vinicius de Moraes. Sonho em ser “uma menina com uma flor”. Estudante do 3º período de Relações Públicas e petiana desde agosto de 2013.

Comentários

pessoas comentaram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *