Cine e Vídeo Tarumã apresenta filmes sobre Traumas e Neuroses

Posted on Posted in Cinema

Na programação desta semana do Cine & Vídeo Tarumã serão apresentados filmes que abordam situações traumáticas e neuróticas. Foram escolhidos três filmes recentes que exploram essa temáticas: Obsessão, de Lee Daniels; Amor Obsessivo, de Roger Michell e Esquizofrenia, de Lodge Kerrigan.

Na segunda (10) foi exibido Obsessão, do americano Lee Daniels. Ward (Matthew McConaughey) é jornalista de um grande jornal e precisa retornar para sua pequena cidade para fazer a cobertura da prisão de Hillary Van Wetter (John Cusack), acusado e condenado à morte pelo assassinato do xerife local. Os problemas começam quando Jack (Zac Efron), seu irmão mais novo, começa a se envolver com Charlotte (Nicole Kidman), mulher misteriosa e mais velha, que mantinha contato com o prisioneiro. O filme mistura drama com suspense e foi indicado a Palma de Ouro no Festival de Cannes em 2012 e ao Globo de Ouro na categoria Melhor Atriz Coadjuvante para Nicole Kidman.

 

Hoje (12) será apresentado o filme Amor Obsessivo, do diretor inglês Roger Michell. Na trama, Joe Rose (Daniel Craig) é um escritor e professor bem-sucedido, cuja vida racional entra em uma queda vertiginosa de culpa, depois que assiste a um grotesco e fatal acidente com um balão, no momento em que está fazendo um piquenique com sua namorada Claire (Samantha Morton). Jed Perry (Rhys Ifans), outro homem envolvido nesse dia fatídico, persegue Joe procurando consolo e tentando compreender a tragédia que ambos testemunharam. Jed logo se torna tão inevitável a Joe quanto sua culpa, e ambos se lançam a uma definitiva e assustadora escolha, criada por uma destrutiva natureza obsessiva ou por uma verdadeira persistência do amor.

Fechando a programação da semana, na sexta-feira(14) será exibido o filme Esquizofrenia, do diretor Lodge Kerrigan. William Keane (Damian Lewis), de 30 anos, é um homem atormentado por um sentimento de culpa: ter tirado os olhos de sua filha Kira (Abigail Breslin) por um breve momento. A busca diária por informações sobre o suposto desaparecimento em um terminal de ônibus de Nova York não é seu único conflito: a batalha contra uma devastadora esquizofrenia transforma sua vida. Entre a dor e conflitos, como distinguir o real do imaginário? O diretor norte-americano, que se enquadra entre os pertencentes da geração do cinema independente, possui uma filmografia curta e espaçada, mas de forte conteúdo psicológico. Geralmente seus filmes são premiados, como este, vencedor de dois prêmios no Festival de Deauville, em 2005, além de outros.

O projeto Cine & Vídeo Tarumã é uma atividade de extensão do Departamento de Comunicação Social da UFAM, com as sessões acontecendo sempre às 12h30, no Auditório Rio Negro, do Instituto de Ciências Humanas e Letras, localizado no Setor Norte do Campus Universitário. As sessões são gratuitas e recebem o apoio cultural da Take Video Locadora.

(Visited 9 times, 1 visits today)
The following two tabs change content below.
Andréia Santos

Andréia Santos

“Amei as palavras e as odiei e espero tê-las usado direito.” (A Menina Que Roubava Livros). Levo mais tempo pra me definir do imaginava, mas esse é um problema desde o ensino fundamental, com aquelas redações do tipo “Quem sou eu?”. Fã incondicional de todas as palavras bonitas que existem no mundo, amo poesia, gente e tudo que envolve as duas coisas e mais um pouquinho. Queria ter nascido há algumas décadas. Teria compreendido Nietzsche e seria amiga do Vinicius de Moraes. Sonho em ser “uma menina com uma flor”. Estudante do 3º período de Relações Públicas e petiana desde agosto de 2013.

Comentários

pessoas comentaram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *