O Demonologista

Posted on Posted in cultura, literatura

Algumas vezes as pessoas fecham a porta porque estão tentando encontrar uma maneira de fazer você bater nela.”

O demonologista, escrito pelo canadense Andrew Pyper, foi um dos maiores sucessos comerciais da empresa Dakside no ano de 2015.

David Ullman, renomado professor da Universidade de Columbia, é um especialista na figura literária do Diabo – principalmente na obra-prima de John Milton, Paraíso Perdido. Para David, o Anjo Caído é apenas um ser mitológico.Ao aceitar um convite para testemunhar um suposto fenômeno sobrenatural em Veneza, David começa a ter motivos pessoais para mudar de opinião. O que seria apenas um boa desculpa para tirar férias na Itália com sua filha de 12 anos se transforma em uma jornada assustadora aos recantos mais sombrios da alma. Enquanto corre contra o tempo, David precisa decifrar pistas escondidas no clássico Paraíso Perdido, e usar tudo o que aprendeu para enfrentar O Inominável e salvar sua filha do Inferno.

Apesar da narrativa sobrenatural e das referências de textos bíblicos, o livro escrito por Pyper apresenta temas bem cotidianos como depressão e relação familiar. O protagonista David é um personagem que enfrenta os fantasmas da depressão desde sua infância o que o torna um personagem diferente dos heróis convencionais. David encara o mundo de uma forma triste, como se a todo o tempo uma presença maligna o perseguisse. O mais interessante nessa temática é a relação da filha do protagonista (Tess) com a depressão: Em muitas passagens do livro o autor vê em sua filha sinais de depressão que o mesmo sentia quando criança.

A relação do protagonista com a família também é explorada no livro e a forma como se da o fim de seu casamento e como a depressão afeta o seu relacionamento é bastante explorada como motivação para o protagonista.

O uso de conexões da história com a obra Paraíso Perdido de Jonh Milton é um dos pontos positivos da trama, ao longo da história podemos conhecer um pouco mais da obra de Milton e seus personagens são usados para deixar pistas na busca do protagonista pela sua filha e na luta do mesmo contra o Inominável.

Vendido como uma mistura de “O Exorcista” e “O Código Da Vinci” o demonologista nos apresenta uma trama ágio com vários momentos de dar frio na espinha como os diálogos entre o protagonista e o próprio demônio. O livro é uma boa pedida para todos que são amantes do gênero e que apreciam uma obra que não é puramente entretenimento, mas, que possui assuntos muito mais profundos do que apenas o embate do homem com o sobrenatural.

(Visited 20 times, 1 visits today)
The following two tabs change content below.
Thiago Rodrigues

Thiago Rodrigues

Um agente da S.H.I.E.LD infiltrado em Forks para recrutar vampiros que brilham no sol. Estudante do 2º período de Relações Públicas, ama séries e filmes de terror ( principalmente os slashers dos anos 80), e realmente acredita que a vida é dividida em temporadas.
Thiago Rodrigues

Posts Mais Recentes por Thiago Rodrigues (Ver Todos)

Comentários

pessoas comentaram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *